Planejamento

Aprenda a se organizar financeiramente

A chave para uma vida financeira saudável é a organização, parece um bicho de cabeça se organizar financeiramente, mas não é, com planejamento tudo pode dar certo, o importante é não desistir e estar ciente de que isso trará benefícios no futuro.

Para conseguir ter organização sobre suas finanças, você necessariamente vai precisar controlar o seu fluxo de caixa, ou seja, quanto entra e quanto sai da sua conta. Uma forma de fazer isso é por meio dos orçamentos mensais, pois se você tiver controle sobre todas as suas despesas no mês, você vai conseguir organizar suas finanças de maneira geral, podendo até planejar quais serão os seus gastos futuros.

Coloque todos os seus gastos diários no papel, até mesmo aquele cafezinho de R$ 1,00 que você toma antes de ir para o trabalho. As despesas com cartão de crédito e cheque também não podem ser esquecidas.

Para isso, você pode utilizar um bloquinho de nota ou algo mais moderno como um aplicativo para smartphone. Lembre-se de nunca gastar mais do que você recebe e sempre separar uma quantia de dinheiro que deve ser destinada a um fundo de reserva para futuros contratempos.

Não permita que as suas parcelas mensais ultrapassem, no máximo, 30% do seu rendimento líquido, se você quiser ser financeiramente organizado, e conforme você for ajustando esses detalhes, dedique-se a criação de uma reserva financeira. A vida é cheia de imprevistos, e por mais estável que o nosso emprego seja, sempre pode acontecer alguma coisa que não esperamos para nos deixar sem dinheiro, então prepare-se para isso.

Se você tiver mais contas para pagar do que pode arcar, definir a escala de importância de suas contas ajuda a decidir qual pagar primeiro. Você verá contas urgentes e contas que não terão grande prejuízo se postergadas.

Fique atento a gastos supérfluos, roupas, almoços e jantares, entre outros gastos que não são básicos podem prejudicar sua organização financeira. Eles são necessários para nos divertirmos, porém é bom ficar de olho. Anote-os para ter um maior controle, de gasto em gasto se não tiver controle o dinheiro todo se vai.

Aprenda a priorizar suas necessidades, independente do número de objetivos que você definiu, é necessário priorizar, ou seja, escolher a qual deles vai se dedicar primeiro. Afinal, é possível alcançar todos, mas será mais difícil atingi-los de uma só vez.

E lembre-se, acima de tudo, uma organização financeira exige disciplina, aprender a organizar suas finanças é uma atividade contínua, principalmente se você nunca tiver tido esse tipo de orientação e já estiver com parte dos seus rendimentos comprometidos com dívidas, parcelas e empréstimos, mas não é algo impossível de ser alcançado.

Organize-se para ter sempre uma reserva, imprevistos acontecem com todos e realmente não temos como prever, então o correto é administrar corretamente suas finanças e deixar sempre uma reserva, depois que tiver com as contas em dia e sem dívidas pendentes, uma boa dica é aprender a investir. São muitas opções de investimentos, analise bem e escolha o que mais se encaixa no seu perfil. Só não desista, siga firme no propósito de planejamento financeiro que depois de algum tempo você verá os frutos (dinheiro sobrando na conta).

 

Post a Comment